Archive for Abril 15, 2009

Formação de caldeiras

    Por vezes acontece que na parte superior de muitos vulcões formam-se depressões de dimensões muito maiores do que as dimensões das crateras, e que correspondem ao abatimento/afundimento da parte central do vulcão, após fortes erupções em que grande quantidade de magma e piroclastos são rapidamente expelidos, ficando um vazio na câmara magmática. Estas depressões tomam o nome de caldeiras.

Exemplo: Caldeiras das Sete Cidades, nos Açores, e que está ocupada actualmente por uma Lagoa.

 

                                                    Etapas:

                                                                           → Durante a erupção vulcâniccaldera1a a câmara magmática liberta o material, que sai para o exterior, ficando a câmara magmática vazia.

 

 

 

→ Com a saída do magma para o exterior, o cone vulcânico, fica sem suporte e colapsa, ou seja cai. Isto acontece, uma vez que não existe um suporte inferior.

 

 → Com a acumulação de água nesses locais, origina-se então uma lagoa.

 

Para vos ajudar a compreender melhor vejam o seguinte filme: 

 

 

 

Anúncios

Leave a comment »

Vulcanismo

O vulcanismo consiste nos processos pelos quais o magma e os gases a ele associados ascendem, a partir do interior da Terra, à superfície da crusta terrestre incluindo a atmosfera.O Vulcão é uma abertura na superfície da crusta terrestre, através da qual se dá a erupção do magma, dos gases e das cinzas associadas.

Constituição de um Vulcão

Em termos gerais, a estrutura vulcânica que forma um vulcão é designada por aparelho vulcânico estes são, normalmente constituídos pelas seguintes partes:

 

Câmara magmática, local onde se encontra acumulado o magma, normalmente situado em regiões profundas das crustas continental e oceânica, atingindo, por vezes, a parte superior do manto;

Chaminé vulcânica, canal, ou abertura que liga a câmara magmática com o exterior das crustas (continental ou oceânica), e por onde ascendem os materiais vulcânicos;

Cratera, abertura ou depressão mais ou menos circular, em forma de um funil, localizada no topo da chaminé vulcânica;

Cone vulcânico, elevação de forma cónica que se forma por acumulação dos materiais expelidos do interior das crustas (lavas, cinzas e fragmentos de rochas), durante a erupção vulcânica.

Também se podem formar cones secundários, chaminés laterais no cone vulcânico principal.

 

Observem a seguinte figura que representa a constituição de um vulcão:

 

ap_vulcao1

   Existem também erupções que não estão associadas a um cone vulcânico, sendo os materiais expelidos através de fracturas mais ou menos extensas e profundas existentes na crosta. Este tipo de erupção é designado por erupções fissurais.

Contudo ao longo da fractura podem ocorrer pequenos cones vulcânicos alinhados.

 

  

 

 

Comments (3) »